terça-feira, 21 de junho de 2011

Cocenzo´s Beat

Nas unidades Mooca e Vila Madalena existe um set de músicas que gosto de usar em aula eventualmente. Os sets não são exatamente iguais, mas tem várias músicas em comum. São músicas mais animadas e gosto de usá-las por duas razões: elas ajudam a manter o treino intenso, mas com a energia agradável e contém algumas impressões pessoais.

Uma das músicas em comum nas duas unidades é a The Scatman, feita por Scatman John. Tenho um apreço especial por ela devido a mensagem que ela passa e pelo histórico do artista.

Bem, primeiramente vamos ver a música, afinal a maioria aqui talvez não conheça a dance music dos anos 90 (que hoje costumam chamar de house):




Ok, ok, você pode ser fã do bom e velho Rock, como os alunos aqui da Vila Luiz Segala e a Paula Sporleder, mas o que tem de interessante nesta música em especial é o seu artista: Scatman John era gago. E a sua gagueira, num primeiro momento quase destruiu sua vida, mas ele soube usar sua maior falha para se tornar seu grande diferencial de sucesso.

Você se arriscaria a dizer que ele era gago, apenas assistindo o vídeo acima?

A história do Scatman John pode ser vista aqui.

A letra da música acima, que reflete um pouco da história do artista, além de ser uma mensagem bem positiva, pode ser vista aqui. (a tradução não está grande coisa, mas dá para entender)

Se um gago pode cantar e fazer sucesso, o que você e eu podemos fazer com tudo o que temos?