domingo, 30 de janeiro de 2011

Dica de Leitura (1/10)

A partir de agora, estarei colocando no Blog da TSKF uma vez ao mês dicas de leituras de alguns livros que ajudam a crescer não só no ramo profissional, mas também no pessoal e, principalmente, no interpessoal. Sugestões são só sugestões, mas espero que sempre tenha um espaço vazio na xícara para colocar algo a mais.

(A sugestão dos livros foi dada pelo Mestre Gabriel)

---------------------------------------------------------------

Livro 1

Como Fazer Amigos e Influenciar Pessoas

Dale Carnegie


Inicialmente se pergunte: O quão as pessoas à sua volta te respeitam? O quanto você já conseguiu conquistá-las?

Se de zero a dez, você puder se dar uma nota nove, aconselho urgentemente ler esse livro. Se for um dez, acho que é bom reler pela terceira ou quarta vez e ver se aprende técnicas novas desde a última vez que você o leu.

Muita gente acaba criando um certo preconceito pelo título do livro: “Ah, mas já tenho bastante amigos”, “Nossa, esse com certeza é só pra gente tímida se soltar” ou “Já sou bom o suficiente”. Adoraria encontrar pessoas para apostar que consegue ler esse livro sem aprender nada.

Com uma linguagem simples e inspiradora, cada capítulo mostra maneiras de conquistar pessoas, de manter relações estáveis e, talvez o mais importante, ensina como liderar um grupo, pessoa por pessoa, conquistando cada vez mais gente a pensar de seu modo. Não pense ser um simples manual de manipulação ou de lábia, afinal, a parte mais interessante é que a principal mudança que você faz não é pelo seu modo de agir perante outros, e sim de pensar em relação a você mesmo. Esteja preparado para quando lê-lo e decidir colocá-lo em prática, para engolir o orgulho, pensar muito bem antes de estourar e acima de tudo, entender como a pessoa que está a sua frente pensa, independente de seu próprio gosto ou vontade.

A cada capítulo que você lê, percebe como coisas tão óbvias passam tão despercebidas, e quanta gente insiste em dar murro em ponta de faca ao invés de contornar ou até mesmo evitar situações relativamente fáceis de serem evitadas. Há diversas histórias diferentes retratando casos ocorridos com pessoas que mesmo sem saber, cometiam deslizes que faziam a total diferença entre o sucesso e o fracasso.

Lembre-se que ler um livro é uma coisa extremamente simples, é preciso somente tempo e o mínimo de vontade para tal. Contudo, colocar o que tal livro passa requer uma força de vontade muito maior. Requer observação, encarar o próprio ego. Aconselho sim a tentar esse desafio. E este livro acaba sendo uma boa opção para começar a mudar de atitude. Sem dúvidas um livro que pode ser considerado um manual básico para qualquer um que possua uma profissão que lida diretamente com pessoas.

Boa sorte a todos, e que estejam sempre com a mente aberta para aprender cada vez mais.