segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Além da área de treino

Um dos diferenciais em treinar Kung Fu reside em aproveitar os ensinamentos para diversas áreas da vida, desde que vc mantenha a mente aberta para isso.

Exemplo: desenvolver a determinação em ficar na Resistência por 1 minuto ou executar os fundamentos da faixa branca com a postura mais baixa. Esta determinação, praticada em um exercício físico pode ser tranquilamente transportada para seu trabalho ou qualquer outra área que vc precisa de uma "injeção de determinação".

Mas podemos, com o devido tempo e experiência, transportar o ensinamento físico para outra área também física.

Neste final de semana, a TSKF esteve na Maratona de Revezamento Pão de Açúcar, com uma equipe de 4 atletas e outra equipe de 8 atletas. As unidades Guarulhos, Casa Verde, Itaim e Vila Madalena marcaram presença na prova.

Tivemos a participação especial do meu pai também, que à esta altura, muitos dos alunos já sabem que ele corre há bastante tempo e tem o atletismo como seu esporte. Pedi uma ajudinha dele para nos orientar ao longo do percurso, que o fez correr pouco mais de 30 km, enquanto cada um de nós correu 5,2 km.

Ao término da prova, levando meu pai em casa ele comentou que todos os instrutores que correram na mesma equipe dele estavam com uma performance melhor, em relação ao último ano e nos perguntou se tínhamos treinado de uma forma mais específica para este evento. Bem, tivemos que confessar, salvo o Antônio, que não...Mas ele insistiu: "Mas vcs mudaram o treino de vcs, não?".

Foi aí que a Adriana lembrou que estávamos treinando mais pesado desde junho, por causa do nosso exame de faixa e também do campeonato da FPKT, que participamos na semana passada.

Ou seja, conseguimos transportar nosso treino do dia a dia do Kung Fu para outra atividade física. Claro que não fomos os mais velozes da prova, mas tivemos uma performance consistente e superando muitas equipes de corredores que, definitvamente, não fazem Kung Fu.

Se podemos transportar a experiência com os músculos de uma atividade para outra, pq não podemos transportar também as idéias, reflexões e insights do nosso Kung Fu para nosso trabalho e nossos relacionamentos?